em

Crash – Estranhos Prazeres

Falar de David Cronenberg é saber que seus filmes beiram o absurdo, o bizarro e escatológico, mas com muita competência. Conhecido pelo filmes de ficção científica de horror, aqui temos um que se diferencia disso. 

Crash é aquele filme que se tu conheces o trabalho do diretor, sabe que vai ser uma loucura e do contrário, tu não conseguirias prevê-lo. James personagem principal ao sofrer um acidente de carro desenvolve uma fixação sexual e doentia com o fato e pela outra parte envolvida, Helen. 

Através de Helen ele conhece um grupo de pessoas que recriam acidentes automobilísticos famosos ou não para obterem prazer. É bizarro, eu sei, mas o que esperar do Cronenberg? James não para por aí e começa a cometer acidentes reais para obter prazer juntamente com Helen. Posso garantir que ver esse filme é uma experiência impar, assim como assistir “A Mosca”, do mesmo diretor.  

--- Criado com nosso formulário simples e amigável. Você já desabafou hoje?

Diretamente no SEU e-Mail

Receba os desabafos mais ilários da Internet na sua mailbox a cada 2 dias.

Nunca enviaremos Spam e PODE CANCELAR quando quiser.

Reportar

O que você acha?

Escrito por leon

Deixe um comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *


O período de verificação do reCAPTCHA expirou. Por favor recarregue a página.

Um Comentário

Portal que ligava NY a Dublin foi desativado

Conteúdo 18+
Clique para ver esta postagem

AFIM DE CHUPAR UMA ROLA